DENIOS Portugal
Alameda da Empresa, nº 64
Candal Park – Fração AL-14
4400-133 Vila Nova de Gaia

Tel: +351 800 11 31 56 (gratuito)
Email: info@denios.pt
Web: denios.pt

Chuveiros e lava-olhos de emergência: 10 perguntas, 10 respostas

Enquanto uma substância estranha entra no olho, este começa a produzir mais lágrimas para expulsá-lo, sendo, no entanto, este mecanismo de proteção do nosso corpo, limitado. É aqui que os chuveiros de emergência e os lava-olhos profissionais têm um papel fundamental, já que permitem o enxaguamento abundante numa emergência, seguindo o modelo natural. A nossa prática mostrou-nos que surgem repetidamente as mesmas dúvidas sobre chuveiros de emergência. Aqui, encontrará as respostas a estas perguntas mais frequentes, assim como recomendações dos produtos adequados da loja online da DENIOS.

1. O que é um chuveiro de emergência?

Onde quer que as pessoas trabalhem com substâncias perigosas, existe um risco de contacto da pele e olhos com materiais corrosivos, tóxicos e irritantes. Líquidos, pós, gases, faíscas, lascas de metal ou lascas de madeira podem entrar em contacto com os olhos ou a pele e causar danos consideráveis.

Os chuveiros de emergência são um dispositivo essencial para primeiros socorros rápidos. Permitem enxaguar imediatamente as regiões afetadas e minimizar ou eliminar, assim, os danos a curto e longo prazo. Os chuveiros de emergência também podem ser utilizados para extinguir incêndios. Dependendo da área de aplicação, utilizam-se chuveiros corporais, chuveiros oculares ou frascos de lavagem ocular.

2. Os chuveiros de emergência são exigidos por lei?

Depende do local de trabalho. Os chuveiros e lava-olhos são uma medida de emergência e primeiro auxílio e são obrigatórios em muitas áreas de trabalho, de acordo com a Lei da Promoção da Segurança e Saúde no Trabalho e com o Regulamento de Armazenamento de Produtos Químicos. A norma europeia EN 15154 estabelece quais os requisitos mínimos dos chuveiros de emergência enquanto à sua instalação e manutenção. As garrafas de lavagem dos olhos são permitidas se não houver água potável corrente disponível para abastecer um chuveiro de emergência.

CHUVEIROS DE EMERGÊNCIA OBRIGATÓRIOS EM LABORATÓRIOS

Segundo o Decreto-Lei nº 534/99, de 11 de Dezembro no que concerne ao licenciamento dos laboratórios, existe uma clara obrigação de utilizar chuveiros de emergência e lava-olhos em laboratórios onde se manuseiem produtos tóxicos, irritantes ou corrosivos.

Artigo 42.º Instalações técnicas e equipamentos especiais ... h) Os laboratórios onde se manuseiem produtos tóxicos, irritantes ou corrosivos devem possuir meios de atuação rápida de lavagem, designadamente duche de emergência e «lava-olhos».

OUTROS LOCAIS DE TRABALHO: A AVALIAÇÃO DE RISCO é que DECIDE!

Ao contrário das diretrizes laboratoriais, os chuveiros de emergência não são especificamente mencionados nos regulamentos para a prevenção de acidentes que envolvem substâncias perigosas, ou nos regulamentos de armazenamento de produtos químicos. No entanto, os empregadores são obrigados a implementar todas as medidas necessárias para proteger os seus empregados. Por conseguinte, devem efetuar uma avaliação de risco da sua empresa e operações na qual se identificam e especificam, também, as medidas de primeiros socorros necessárias, tais como chuveiros de emergência.

Lei n.º 102/2009, de 10 de setembro, que regulamenta o regime jurídico da promoção da segurança e saúde no trabalho, artigo 15.º: " O empregador deve zelar pelo exercício da atividade em condições de segurança e de saúde para o trabalhador [...] deve assegurar a vigilância da saúde do trabalhador em função dos riscos a que estiver potencialmente exposto no local de trabalho [...] estabelecer em matéria de primeiros socorros, de combate a incêndios e de evacuação as medidas que devem ser adoptadas [...]."

3. De acordo com a avaliação de riscos, quando é necessário um chuveiro de emergência?

O enxaguamento abundante e imediato com água é a primeira medida de auxílio a realizar para qualquer tipo de queimadura. Para além da remover e diluir a substância perigosa, a água também permite um arrefecimento da zona afetada. É por este motivo que os chuveiros de emergência são uma das medidas de primeiros socorros mais eficientes. Apesar dos chuveiros de emergência não estarem explicitamente prescrito por lei em todos os setores, a través da avaliação de riscos é possível averiguar se são necessários na sua empresa. Na prática, devem-se identificar os potenciais riscos de contacto de substâncias perigosas com a pele ou os olhos que requeiram uma lavagem imediata.

A quantidade, tipo e posicionamento dos chuveiros, lava-olhos ou garrafas de lavagem ocular são uma decisão individual que depende da atividade e condições da empresa. Caso se utilizem substâncias perigosas na sua empresa, a ficha de dados de segurança (FDS) é a uma das fontes de informação mais importante para a avaliação dos riscos. Na secção 4, por exemplo, o fabricante fornece-lhe informações sobre as medidas de primeiros socorros necessárias.

Importante fonte de informação: A ficha de dados de segurança

A ficha de segurança (FDS) das substâncias utilizadas na sua empresa oferece-lhe informação importante para a avaliação dos riscos. Na secção 4, o fabricante fornece informações sobre as medidas de primeiros socorros necessárias em caso de incidente.

Considerar todas as atividades e processos

As substâncias perigosas também podem ser geradas ou libertadas durante as atividades e processos, por exemplo, poeiras, faíscas, lascas de metal ou lascas de madeira. Os potenciais perigos de queimaduras e escaldaduras também devem ser considerados na avaliação de risco.

4. Posso também utilizar uma torneira ou chuveiro convencional em vez de um chuveiro de emergência?

Não é de todo recomendado. Numa emergência, é importante assegurar um abastecimento de água rápido, eficiente e durante um tempo suficiente. Apenas chuveiros de emergência, especificamente concebidos, garantem um enxaguamento correto graças a um caudal e pressão de água controlados, constantes e adequados.

Para além disso, os chuveiros estão equipados com funções adicionais importantes que as torneiras ou chuveiros convencionais não oferecem. Os mecanismos de atuação dos chuveiros são simples e permitem agir muito rapidamente em caso de emergência. Os lava-olhos têm torneiras com forma especial que permitem apoiar corretamente os olhos e manter as pálpebras abertas e assegurar um enxaguamento óptimo da região ocular.

Por estas razões, os chuveiros de emergência são também rigorosamente normalizados. Os requisitos mínimos são regulados pela EN 15154 (subdivididos em cinco partes):

  • Parte 1 para " Chuveiros para o corpo inteiro ligados à rede de abastecimento de água utilizados em laboratórios".

  • Parte 2 para " Lava-olhos ligados à rede de abastecimento de água".

  • Parte 3 para " Chuveiros para o corpo não ligados à rede de abastecimento de água”

  • Parte 4 para " Lava-olhos não ligados à rede de abastecimento de água”

  • Parte 5 para " Chuveiros para o corpo inteiro ligados à rede de abastecimento de água utilizados em locais de produção".

i

Os chuveiros de emergência da DENIOS satisfazem todos os requisitos da EN 15154.

5. Qual é o chuveiro de emergência adequado para a minha empresa?

Na loja online do DENIOS encontrará uma seleção completa de produtos para o abastecimento de água e líquidos de lavagem de emergência. A gama inclui garrafas de lavagem ocular, lava-olhos com ligação à rede de água, chuveiros corporais com ligação à rede de água, chuveiros e lava-olhos combinados, chuveiros de emergência à prova de geadas e chuveiros especiais de emergência que não requerem uma ligação à rede local de água. Qual é o produto certo? Para o ajudar a tomar a melhor decisão, elaborámos esta guia.

6. O que devo ter em conta antes de instalar um chuveiro de emergência?

Posicionamento

Numa emergência, o acesso ao chuveiro de segurança deve ser rápido. Por norma, considera-se um tempo máximo para chegar ao chuveiro de emergência de 10 segundos. No caso de substâncias particularmente perigosas, a avaliação de risco pode determinar um tempo inferior. O nosso conselho: realize várias simulações e cronometre o tempo necessário para chegar aos diferentes pontos considerados para colocar o chuveiro!

Visibilidade

Deve-se assegurar uma boa visibilidade do chuveiro para que seja rapidamente detetado e utilizado em caso de emergência. Para isso, é importante a iluminação adequada da área onde está instalada o chuveiro, e a identificação, perfeitamente visível, com sinais ou pictogramas específicos para chuveiros de emergência e lava-olhos.

Acessibilidade

Durante uma emergência, a visibilidade da pessoa acidentada por estar consideravelmente reduzida (p. ex. entrada de substâncias irritantes nos olhos). O acesso ao chuveiro deve manter-se livre de obstáculos, como material ou ferramentas, para assegurar o acesso rápido e evitar riscos de queda ou tropeção. Para além disso, deve-se instalar o chuveiro ao nível da fonte de perigo para evitar que a pessoa ferida tenha que subir escadas ou rampas, ou abrir portas para aceder a ele.

7. Que formação sobre chuveiros de emergência necessitam os trabalhadores?

Quando utilizar o chuveiro de emergência?

Informe os seus colaboradores sobre os possíveis perigos das suas tarefas e operações diárias, e explique as medidas de primeiros socorros necessárias e disponíveis. Todos devem conhecer as situações em que deve ser imediatamente acionado o chuveiro de emergência.

Onde está o chuveiro de emergência?

Procurar o chuveiro de emergência durante uma emergência não é uma opção! Para uma atuação rápida e evitar danos maiores, os trabalhadores devem conhecer a localização exata dos chuveiros e lava-olhos de emergência. Durante a sua formação, o trabalhador deve receber informação sobre a localização do equipamento de primeiros socorros disponível. É, também, fundamental, assegurar que estes dispositivos de emergência sejam perfeitamente visíveis, colocando a iluminação e sinalização adequadas.

Como ativar o chuveiro de segurança?

Embora o funcionamento dos chuveiros de segurança seja bastante intuitivo, o mecanismo de acionamento pode variar dependendo do modelo. Enquanto os chuveiros corporais são, normalmente, ativados por uma barra rígida com puxador, existem diferentes opções para os lava-olhos: acionamento por pedal, alavanca ou com gatilho. As garrafas de lavagem ocular, por outro lado, libertam o líquido de enxaguamento por pressão manual do corpo da garrafa.

8. O que acontece com as águas residuais dos chuveiros de emergência?

Se o chuveiro de emergência se destinar ao enxaguamento de substâncias perigosas, estas também podem contaminar a rede de água. Ao planear a instalação do seu chuveiro de segurança, é necessário pensar, também, em medidas adequadas de retenção ou eliminação profissional das águas residuais resultantes.

9. Com que frequência devem ser inspecionados os chuveiros de emergência?

Tanto os chuveiros de emergência como os lava-olhos deveriam ser inspecionados e limpos, no mínimo cada 6 meses, por uma pessoa qualificada. Além disso, o funcionamento correto deveria ser comprovado pelos utilizadores, pelo menos uma vez por mês (ou de acordo com as indicações do fabricante).

*Este conteúdo é fornecido apenas para fins informativos. Consulte a legislação em vigor para casos específico.

A DENIOS encarrega-se da manutenção anual do seu chuveiro de segurança

Já sabia? O serviço de manutenção profissional DENIOS também está disponível para chuveiros e lava-olhos de emergência! Com os nossos atrativos contratos de manutenção, não só mantém a longevidade do seu equipamento de primeiros socorros, como também já não falha nenhum compromisso já que agendamos a inspeção anual de segurança por si.

10. Como testar os chuveiros de emergência?

A inspeção regular dos chuveiros de emergência não só assegura de que funcionem corretamente, mas também permite manter os dispositivos em perfeitas condições. A passagem frequente de água pelos tubos também previne a proliferação de germes e contaminação da água. Durante o teste funcional, deve-se avaliar a pressão e caudal de abastecimento da água durante o tempo necessário, assim como a área de dispersão e temperatura da água.

Temos todo o gosto em aconselhá-lo!

Seja por telefone, e-mail ou pessoalmente nas suas instalações, teremos todo o prazer em ajudá-lo e aconselhá-lo. Contacte-nos por telefone ou envie um email para info@denios.pt!

Aconselhamento especializado gratuito 800 11 31 46

Artigos relacionados

FAQ

Contentores IBC: 16 perguntas para especialistas

Os IBCs são um dos tipos de contentores mais utilizados na indústria. A sua compra, uso e manutenção correta podem ter um impacto significativo na eficiência do seu negócio. No novo guia da DENIOS, os nossos especialistas respondem a 16 perguntas mais frequentes sobre IBCs.

Saber mais
FAQ

Baterias de iões de lítio: perguntas frequentes

Tem perguntas sobre as baterias de lítio? Aqui estão as respostas! Para minimizar os riscos potenciais das baterias de lítio e estar perfeitamente preparado em caso de incêndio, a DENIOS responde aqui às perguntas mais frequentes dos clientes sobre o manuseamento de baterias de lítio.

Saber mais
FAQ

Como escolher a melhor bacia de retenção?

Saiba tudo sobre o armazenamento de substâncias perigosas com bacias de retenção. Descubra tudo o que precisa de saber para escolher a bacia de retenção ideal.

Saber mais
FAQ

Absorventes industriais: perguntas frequentes.

É frequente surgirem perguntas sobre a compra, o armazenamento e o manuseamento de absorventes industriais. Compilámos as respostas às perguntas mais frequentes sobre absorventes industriais.

Saber mais
Checklist

Transporte de substâncias perigosas em segurança na empresa

O transporte de substâncias perigosas na sua empresa é cuidadosamente preparado? Seguem-se as normas de segurança durante o deslocamento de produtos químicos? Na nossa lista de verificação poderá encontrar as condições importantes a cumprir para realizar o transporte interno de substâncias perigosas de maneira segura. Assim, pode verificar rapidamente todos os pontos importantes das suas tarefas de transporte interno.

Saber mais
FAQ

Chuveiros e lava-olhos de emergência: 10 perguntas, 10 respostas

Os chuveiros e lava-olhos de emergência são instalações de primeiros socorros essenciais. Nesta FAQ da DENIOS sobre chuveiros de emergência, encontrará as respostas às perguntas mais frequentes sobre chuveiros de emergência corporais, lava-olhos e frascos de lavagem ocular.

Saber mais
i

A informação especializada presente neste site foi reunida e incluída cuidadosamente e de acordo com os nossos conhecimentos e convicções. Porém, a DENIOS Portugal não pode assumir qualquer tipo de garantia ou responsabilidade, seja contratual, extracontratual ou de qualquer outro tipo, pela atualidade, integridade e exatidão, nem perante o leitor nem perante terceiros. A utilização da informação e do conteúdo para fins próprios ou de terceiros é, portanto, de sua exclusiva responsabilidade. De qualquer forma, respeite sempre a legislação local vigente.

Menu
Log In
O seu carrinhoAdicionar ao carrinho
Ir ao carrinho
Teremos todo o gosto em aconselhá-lo!

Telefone-nos ou preencha o formulário e entraremos em contacto consigo o mais rapidamente possível.

De segunda a sexta das 8h às 17h